8ª Conferência Municipal de Saúde, participe

As conferências municipais e estaduais de  saúde são as mestras que nortearam  o destino da saúde do país através do SUS (sistema único e saúde) nas Etapas Municipais da 16ª Conferência Nacional de Saúde (8ª+8) os participantes têm o objetivo de analisar as prioridades locais de saúde, formular propostas no âmbito dos municípios, dos estados e da União e elaborar um relatório final, nos prazos previstos no regimento. Nas conferências municipais serão eleitos, de forma paritária, os delegados e as delegadas que participarão da Etapa Estadual. 

Em Maracaju a VIII Conferência  Municipal de Saúde acontece nos dias 29 e 30 de março na Câmara Municipal. Na verdade as conferencias nos Conselhos Locais já vem acontecendo, são órgãos colegiados, subordinados ao Conselho Municipal de Saúde de Maracaju, vinculados ás unidades de saúde, de caráter permanente, deliberativo e consultivo, que têm por finalidade atuar na formulação de estratégias e no controle de execução da política de saúde na área de atuação e abrangência de cada unidade de saúde do município.

As plenárias do Conselho Municipal e dos Conselhos locais de saúde são abertas a população.

 As conferências locais organizadas pelo Conselho Municipal de Saúde delas saíram os representantes para participarem da conferência municipal. Sendo 50% de usuários, 25%de trabalhadores na área de saúde, e, 25% de gestor ou prestador de serviços. Da conferência municipal saíram os delegados para  conferencia estadual.

O tema central é “ Democracia e Saúde: Saúde como Direito e Consolidação e Financiamento do SUS.

O s eixos temáticos:

Saúde como direto – Consolidação dos princípios do Sistema único de Saúde – Financiamento adequado e suficiente para o SUS.

Da conferencia municipal de saúde as propostas pertinentes á esfera municipal aprovada pelo pleno, serão incluídas no Plano Municipal de Saúde 2018 /2021. As demais propostas serão encaminhadas á IX Conferência Estadual de Saúde e 16ª Conferência Nacional de Saúde