Prefeito doa depenadora de franco para assentados

18557528_1925198071073615_5774059312626739532_n

Os integrantes do Projeto Incubadora Tecnológica, parceria entre a UFMS e prefeitura municipal através do Departamento Agropecuário, tem uma reunião mensal.
Reunião que conta com a presença de Agrônomos, Veterinários e Diretor de Departamento Agropecuário Eloar Castelaci; são discutidos assuntos de interesse dos assentados ligados ao projeto.
Nesta sexta feira (19) com a presença dos 40 pequenos produtores ligados ao programa de abate de frango aconteceu mais um encontro, teve também a presença do Secretário de Governo Frederico Felini. O Secretário atendendo pedido do prefeito Maurílio Ferreira Azambuja, esteve buscando parcerias através de emendas parlamentares para conseguir a construção de abatedouro de frango para a atender as famílias inscritas no programa Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares ITCP-UFMS ,do Assentamento Santa Guilhermina, e Quilombo São Miguel.
Já está confirmada a emenda de 500 mil reais do Deputado Federal Zeca do PT, e mais 500 mil reais da Deputada Tereza Cristina, dinheiro que vai ser usado na construção do abatedouro e aquisição de um caminhão frigorífico para o transporte das aves para merenda escolar do município e mercado escola em Campo Grande.
Também foi realizada a entrega de uma depenadora de frango, presente pessoal do prefeito Maurílio Ferreira Azambuja aos participantes do programa.
Foi feita visita no abatedouro provisório, que deve abater as aves já a partir do mês de setembro. Além do Projeto Frango Caipira, também já está em funcionamento o projeto Leite, Hortifruti, e deve começar ainda este ano os projetos Piscicultura e Mandioca.
O prefeito disse que é sem duvida um projeto grandioso e que dá ao pequeno produtor todo o suporte para que ele continue no campo, produzindo com qualidade e eficiência. “Não adianta ter um pedaço de terra, se não der o apoio necessário fica muito difícil a sobrevivência do pequeno, e a nossa administração quer dar a eles a oportunidade de ser inserido no mercado consumidor para poder viver daquilo que sabem fazer, e viver com dignidade”, disse Maurílio.
18556991_1925198027740286_2505218936521055253_n

Por : Paulo Roberto