Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Maracaju - MS e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Maracaju - MS
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Youtube
Rede Social Linkedin
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAI
09
09 MAI 2022
DESENVOLVIMENTO
Com foco na preservação do Meio Ambiente e na redução do descarte irregular de resíduos, a Prefeitura de Maracaju cria “Comissão de Gestão de Resíduos Sólidos”
enviar para um amigo
receba notícias
PROCESSANDO ÁUDIO
Ação é uma iniciativa do Gabinete do Prefeito, mas conta com a participação de ao menos um membro de cada pasta do Poder Executivo Municipal.

Nesta semana a Prefeitura de Maracaju através da Gabinete do Prefeito, criou e implantou a Comissão de Gestão de Resíduos Sólidos do município, visando a diminuição gradativa do descarte irregular de resíduos, bem como, focando na preservação do Meio Ambiente para a geração atual e as futuras.
 
De acordo com a Chefe do Gabinete do Prefeito, Cleusemar Maria Wosniak, essa reunião foi de alinhamento entre todas as secretarias para em conjunto, achar as melhores soluções e medidas para a gestão de resíduos sólidos do município.

 “Partindo do princípio da responsabilidade compartilhada, onde a população possui um papel fundamental no preparo e disposição destes resíduos e a prefeitura na coleta e destinação final. Este trabalho contará ainda com um grande esforço em difusão de informação assertiva, educação ambiental e fiscalização”, finalizou , Cleusemar.

A reunião contou com uma apresentação da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, onde foi exposto a situação atual do município e feito um nivelamento de informação quanto a atual legislação no âmbito de gestão de resíduo sólido.
 
Nesta reunião montamos uma comissão para a Gestão de Resíduos Sólidos do município que de forma conjunta e transversal envolvendo todas as secretarias,  achará a melhor alternativa para diminuirmos e até projetarmos uma extinção deste descarte irregular de resíduos, aumentando nosso índice de reciclagem, preservando o Meio Ambiente, bem como, diminuindo nossos custos com o transporte e destinação de resíduos,  gerando mais renda para a Associação Recicla Maracaju e fazendo nosso papel ambiental. Trata-se de uma ação conjunta onde todos ganham, através do descarte e destinação correta, podemos manter o foco no desenvolvimento sustentável na nossa pujante cidade e deixar nosso legado pensando no bem estar das gerações futuras.”  Explicou o secretário do desenvolvimento econômico e meio ambiente, Agadir Mossmann.
 
Essa comissão será responsável ainda por definições de novas sugestões, focadas também na Coleta Seletiva, Mutirões de Limpeza, Coleta Segregada, alinhando ações com base nas normas legais de resíduos sólidos.
 
Por parte da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, ficará a função de orientar, supervisionar e finalizar propostas de melhorias para o trabalho de gestão de resíduos sólidos, bem como, fiscalizar e cobrar as medidas que serão assumidas como responsabilidade de cada setor da Prefeitura.
 
A reunião foi liderada pela chefe de gabinete Cleusemar Maria Wosniak e apresentada pelo Secretário de Meio Ambiente Agadir Mossmann e o Coordenador de Meio Ambiente Jeronimo Hillesheim.
 
Maracaju recolhe em média por dia aproximadamente 40 toneladas de resíduo sólidos, destes a fração reciclável oriunda da coleta seletiva é destinada para Associação recicla Maracaju que destina para reciclagem, os resíduos de serviço de saúde são coletados e destinados para incineração por empresa especializada e o restante é encaminhado de forma separado para Unidade de Transbordo Municipal onde cada tipologia de resíduo recebe sua destinação final de forma ambientalmente adequada. Sendo que aproximadamente 75% do volume total é encaminhado para aterro sanitário em Dourados.
 
Autor: Tiago S. Rodrigues DRT 1785/MS - Assessor de Comunicação Responsável
Seta
Versão do Sistema: 3.2.3 - 06/06/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia